Comissão de Meio Ambiente debate a pedido do deputado Zé Silva: Proposta do Brasil para a Federação do Clima de Paris – COP 21

by itlabs
343 views
climaticas

climaticasA Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da Câmara dos Deputados vai debater  na próxima terça-feira (13) a pedido do deputado Zé Silva (Solidariedade/MG), as propostas que o Brasil defenderá na Conferência do Clima (COP 21), que será realizada no mês de dezembro, em Paris. O debate acontece no plenario 8.

 

Segundo o parlamentar o Fórum Brasileiro de Mudanças Climáticas elaborou um estudo com a finalidade de subsidiar o Governo brasileiro na elaboração das propostas com políticas voluntárias do País de redução de

emissões e, mais imediatamente, a construção da proposta que será apresentada em Paris. “Nosso objetivo é debater o estudo e consequentemente a proposta que o Brasil defenderá na Conferência de Paris, para debater novos compromissos para frear as emissões e mitigar as mudanças climáticas”, conclui 

 

Zé Silva afirma , que o Brasil  aumentou as emissões de gases nos últimos tempos, devido ao acionamento de usinas de energia térmica, “muitas de baixa eficiência”, acionadas para compensar a queda da produção hidroelétrica, afetada pela redução dos níveis dos reservatórios.

 

A COP 21 reunirá representantes de quase 100 nações para debater novos compromissos para amenizar as mudanças climáticas. Um novo acordo de metas de redução de emissões de gases de efeito estufa substituirá o Protocolo de Quioto a partir de 2020.

 

Emissões de carbono: O Brasil representa mais de 50% da redução global de emissões de carbono entre 2001 e 2015, segundo estimativas da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO). As emissões, devido ao desmatamento, caíram 25% entre 2001 e 2015, passando de 3,9 para 2,9 gigatoneladas (Gt) por ano.

 

Foram convidados para o debate a ministra de Meio Ambiente, Izabella Teixeira; o secretário de Política Agrícola do Mapa, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, André Nassar; o assessor do Fórum Brasileiro de Mudanças Climáticas (FBMC), Neilton Fidelis da Silva; o Instituto Coppe da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ ); o pesquisador da Embrapa da área de recursos genéticos e biotecnologia, Genaro Ribeiro de Paiva.

 

Ilustração – EBC

Por supuesto, hay algunos asuntos que usted debe considerar sobre los medicamentos. Actualmente más de quoter de hombres mayores de 50 años reportó algún grado de dificultades eréctiles. Por lo general, tanto los hombres como las mujeres sufren de problemas sexuales. Nuestro artículo se centra en “Genérico Zithromax“. ¿Cómo puede obtenerlo información personal detallada sobre “Genérico Zitromax“? Más información sobre Kamagra disponible en “Genérico Azitromicina“. Si necesita tomar medicamentos recetados, pídale a su médico forense que verifique primero sus niveles de testosterona. Es seguro que debe tomar en consideración los efectos secundarios potencialmente graves antes de comprar cualquier medicamento. Antes de usar este medicamento, informe a su médico si es alérgico a cualquier cosa.

Veja mais