Apanhadores de flores sempre-vivas de Minas Gerais recebem reconhecimento Internacional

by itlabs
175 views

Orgulho dos meus amigos e amigas mineiros, apanhadores de flores sempre-vivas, que receberam o reconhecimento internacional concedido pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), denominado Sistemas Importantes do Patrimônio Agrícola Mundial (SIPAM). Prática centenária no Jequitinhonha estes sistemas de patrimônio agrícola são caracterizados pela combinação de quatro elementos: biodiversidade, ecossistemas resilientes, conhecimento tradicional, herança cultural.Minas Gerais é o primeiro Estado do Brasil a receber esse reconhecimento.

O objetivo é certificar populações que preservam métodos seculares de manejo da terra e mantêm, dentro de seu habitat, relações sustentáveis com o meio ambiente. É o primeiro reconhecimento dessa natureza no país e o quarto na América Latina.Segundo o ministério da Agricultura ao todo, 1.500 pessoas distribuídas em seis comunidades serão diretamente beneficiadas. Entre elas estão: Pé de Serra e Lavras, situadas no município de Buenópolis; Vargem do Inhaí, Mata dos Crioulos e Macacos, localizadas em Diamantina e, ainda, o povoado de Raiz, em Presidente Kubitschek.

Presente na solenidade dona Jovita Maria dedicou toda vida à atividade e garante que a conquista é motivo de muita alegria e orgulho para toda família, com a colheita das flores sempre-vivas, criou 11 filhos.

Parabéns a todos pela conquista e pela preservação dessa atividade cultural tão relevante para Minas Gerais.

Veja mais