Câmara lança Frente Parlamentar de Revitalização dos Rios Brasileiros na data que celebra o Dia Mundial da Água

by itlabs
1013 views

A Câmara dos Deputados lançará, nesta sexta-feira (16), a Frente Parlamentar de Revitalização dos Brasileiros. A iniciativa é do deputado Zé Silva (Solidariedade-MG), que presidirá o grupo. O deputado Arthur Lira (AL) será o vice-presidente da Frente, que será integrada por parlamentares de diversos estados e partidos. O evento ocorrerá no Plenário Ulysses Guimarães, a partir de 15h.

Relatório – Um relatório da Comissão Mundial de Águas, entidade internacional ligada à Organização das Nações Unidas (ONU), aponta que entre os 500 maiores rios do mundo, mais da metade enfrenta sérios problemas de poluição. O levantamento, feito por especialistas de 95 países, descreve ainda que o futuro é incerto já para as próximas gerações. Essa preocupação está presente nas principais discussões em torno do Dia Mundial da Água, comemorado em 22 de março. Na Câmara, a data será celebrada nesta sexta, na mesma sessão solene – proposta pelos deputados Zé Silva e Izalci Lucas (DF) – em que será lançada a Frente Parlamentar dos Rios Brasileiros.

Rios Brasileiros: O objetivo dessa Frente Parlamentar é promover ações, audiências públicas, projetos de lei, indicações e propostas de fiscalização e controle para a integração das diversas políticas setoriais – como a agrícola, energética, industrial, de transporte e urbana. .

Ao justificar a criação da Frente, Zé Silva argumenta que a intenção é trabalhar para promover ações legislativas concretas e estimular medidas que ajudem a revitalizar os rios do Brasil. Ele lembra que o país possui umas das mais diversificadas e extensas redes fluviais de todo o mundo. O maior país da América Latina conta com o maior potencial hídrico do mundo e a maior reserva mundial de água doce – 13% de toda a disponível no planeta.

Zé Silva lembra que, apesar disso, os brasileiros têm experimentado dias difíceis com a escassez da água. “A agricultura precisa de água para gerar emprego, renda e energia especialmente para produzir alimentos; as veredas, os rios e as represas há tempos são alvos de poluição, contaminação e degradação ocasionadas pela ação do homem”, destaca. “Por isso, convidamos jovens, educadores, extensionistas e todo povo brasileiro para participar desse movimento que busca preservar os nossos rios”.

O presidente da nova Frente Parlamentar dos Rios Brasileiros acrescenta ainda que a revitalização dos rios brasileiros depende de uma boa educação e consciência ecológica da população brasileira. “É indispensável que a educação ambiental esteja na pauta das discussões da Frente, não adianta revitalizar um rio, se a cultura em relação à preservação do meio ambiente não for realizada adequadamente”, explica

Veja mais