Seca em MG: Zé Silva apresenta pauta de reivindicações em Brasília

by itlabs
394 views

Brasília (19/02/2014) – O secretário de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais, Zé Silva, se reuniu nesta quarta-feira (19/02), em Brasília, com o Ministro da Agricultura, Antônio Andrade, e com o secretário da Agricultura Familiar do Ministério de Desenvolvimento Agrário, Valter Bianchini, para reivindicar ações que possam amenizar a situação dos produtores rurais do Estado atingidos pela longa estiagem.

Durante as reuniões, Zé Silva apresentou a situação do estado e entregou um documento com propostas para socorrer os produtores de Minas Gerais e de outros estados. Também participaram dos encontros os secretários de Agricultura da Paraíba, Rio Grande do Norte e Alagoas, além do presidente da Emater-MG, José Ricardo Roseno.

“Em Minas Gerais a seca não atingiu apenas o semiárido. Praticamente todas as regiões tiveram prejuízos. Só no caso da produção estadual de milho, a quebra na safra deve ser de 21%”, disse o secretário Zé Silva
.
Após as reuniões, ficou decida a criação de um grupo técnico formada pelos estados que tiveram prejuízos com a estiagem e – no caso de Minas Gerais – pela Federação do Trabalhadores na Agricultura do Estado de Minas Gerais (Fetaemg), Federação da Agricultura e Pecuária de Minas Gerais (Faemg), Organização das Cooperativas de Minas Gerais (Ocemg), União Nacional das Cooperativas da Agricultura Familiar e Economia Solidária (Unicafes), Ministério da Agricultura e Ministério do Desenvolvimento Agrário.

“O ministro da Agricultura se comprometeu a enviar técnicos a Minas Gerais para auxiliar na avaliação dos prejuízos. Esta será a primeira etapa do trabalho do grupo técnico. Em seguida, serão avaliadas as medidas para compensar as perdas sofridas pelos produtores rurais”, explicou o secretário Zé Silva
As principais propostas apresentadas pelo secretário de Minas Gerais em Brasília foram:

1) Crédito Rural

– Renegociação imediata das dívidas dos agricultores e pecuaristas.

2) Estoques de grãos governamentais

– Disponibilidade de grãos para alimentação animal dos estoques governamentais a preços subsidiados para os avicultores, suinocultores, bovinocultores, caprinocultores e ovinocultores.
– Disponibilidade de grão para alimentação animal dos plantéis dirigidos pelos agricultores familiares.

3) Infraestrutura

– Ampliar a disponibilidade de recursos financeiros para construção de barragens subterrâneas e cisternas de placas, especialmente no semiárido.
– Disponibilizar recursos financeiros para construção de barraginhas.

4) Seguro Rural

– Ampliar a disponibilidade de recursos para subvenção do seguro rural e elaborar um plano de trabalho para melhorar a divulgação junto aos Sindicatos, Cooperativas e Associações, bem como criando mecanismos para a inclusão destas entidades no programa.

– Rever a forma em que a cobertura do Seguro Agrícola está instituída, baseada na produtividade média das lavouras, seguindo critérios e levantamento do IBGE. A média da produtividade não representa a produtividade de um número significativo de agricultores que estão em níveis elevados de tecnologia e de investimentos.

– Estudar uma forma de cobertura, feita através da estratificação dos agricultores por níveis de tecnologia, em baixa, média e alta tecnologia, considerando a produtividade para cada nível de acordo com estudos e pesquisas regionalizadas.
– Ampliar a disponibilidade de recursos para os agricultores familiares, via Plano Safra, para os municípios atingidos pelo veranico.

Prejuízo em Minas Gerais

Os levantamentos preliminares feitos pela Emater-MG na área plantada de feijão no estado estimam perdas de 70,4 mil toneladas, que correspondem a 11% da safra mineira. No caso do milho, principal grão cultivado em Minas Gerais, as perdas devem ser de 1,5 milhão de toneladas, que equivalem a 21% da safra prevista para este ano.

Já as perdas estimadas para a cultura da soja são de 340 mil toneladas, ou 9% da safra mineira. Na pecuária, a redução da produção leiteira prevista por causa da seca deve atingir 20%.
Os números divulgados pela Emater-MG foram consolidados com base nos levantamentos em 65% da área plantada de feijão, 60% da área cultivada de milho e 67% da área de soja.

Perdas previstas – MG
Milho – 1,5 milhão de toneladas (21%)
Soja – 340 mil toneladas (9%)
Feijão – 70,4 mil toneladas (11%)
Leite – (20%)

Por supuesto, hay algunos asuntos que usted debe considerar sobre todo los medicamentos. Actualmente más de quoter de hombres mayores de 50 años reportó algún grado de dificultades eréctiles. Por lo general, tanto los hombres como las mujeres sufren de problemas sexuales. Nuestro artículo se centra en “Genérico Zithromax“. ¿Cómo puede obtener información personal detallada sobre “Genérico Zitromax“? Más información sobre Kamagra disponible en “Genérico Azitromicina“. Si necesita tomar medicamentos recetados, pídale a su médico forense que verifique primero sus niveles de testosterona. Es seguro que debe tomar en consideración los efectos secundarios potencialmente graves antes de comprar cualquier medicamento. Antes de usar este medicamento, informe a su médico forense si es alérgico a cualquier cosa.

Veja mais